DOL - Dor On Line

Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - USP

Universidade de Brasília - Campus de Ceilândia

Principal    |    Editoriais    |    Edições    |    Sobre a Dor    |    Glossário    |    Projeto DOL    |    Publicações    |    Contato

   
 

Alerta da edição mensal

 

 

Estrutura análoga ao eugenol exibe atividade antinociceptiva em camundongos

Adriele Alves Santos
 

Já é bem esclarecida a capacidade do eugenol, um fenilpropanoide presente em várias plantas, e alguns de seus análogos, de atuar no processo inflamatório e reduzir a percepção da dor. Contudo, o isômero sintético orto-eugenol ainda não havia sido avaliado com relação a essas funções. Dessa forma, um estudo brasileiro avaliou a atividade antinociceptiva do orto-eugenol a partir do teste das contorções abdominais induzidas pelo ácido acético e teste do glutamato.

 

O orto-eugenol foi capaz de reduzir as contorções abdominais de forma dose-dependente. Como a administração do ácido acético leva a liberação de diversos mediadores inflamatórios, o mecanismo de ação da substância testada provavelmente está relacionado com a redução dessa liberação. No teste do glutamato, o tempo de lambida também foi reduzido pelo orto-eugenol, sugerindo uma possível interação com o sistema glutamatérgico.

 

Diante desses resultados, o estudo demonstrou a atividade analgésica do orto-eugenol, e seu provável mecanismo de ação, envolvendo a redução na liberação de mediadores inflamatórios.

 

Referência: Aragão Neto HC, Fonsêca DV, Braga RM, Almeida RN. Structural analogue of eugenol exhibits antinociceptive activity in mice. 49° Congresso Brasileiro de Farmacologia e Terapêutica Experimental, Ribeirão Preto, 17-20 de Outubro de 2017.

 


Leitura original e/ou complementar