DOL - Dor On Line

Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - USP

Universidade de Brasília - Campus de Ceilândia

Principal    |    Editoriais    |    Edições    |    Sobre a Dor    |    Glossário    |    Projeto DOL    |    Publicações    |    Contato

   
 

Alerta da edição mensal

 

 

Dor na universidade

Paulo Gustavo Barboni Dantas Nascimento

 

Uma recente contribuição sobre a prevalência de dor crônica em trabalhadores brasileiros de uma Universidade foi publicada no Brazilian Journal of Pain, revista da Sociedade Brasileira de Estudo da Dor, capítulo brasileiro da IASP. Os pesquisadores utilizaram questionários padronizados em amostragem aleatória para parâmetros sociodemográficos e hábitos de vida, além de questionário específico para sujeitos com dor crônica (mais de 3 meses). A amostra de mais de 100 sujeitos mostrou dor crônica em metade dos funcionários, com cerca de 12% destes com características de dor neuropática. Este tipo de trabalho pode auxiliar para a instituição de políticas de gerenciamento de dor neste tipo de população. O Brasil ainda é carente neste tipo de avaliação, que pode embasar a instituição de ações voltadas ao gerenciamento e tratamento da dor crônica encontrada.

 

Referência: Barreto IG, Sá KN. Prevalence and factors associated with chronic neuropathic pain in workers of a Brazilian public university. Brazilian Journal of Pain, 2019 2(2):105-11.

 

Alerta submetido em 20/08/2019 e aceito em 20/08/2019.

 


Leitura original e/ou complementar