DOL - Dor On Line

Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - USP

Universidade de Brasília - Campus de Ceilândia

Principal    |    Editoriais    |    Edições    |    Sobre a Dor    |    Glossário    |    Projeto DOL    |    Publicações    |    Contato

   
 

Alerta da edição mensal

 

 

O bloqueio de nervos periféricos como tratamento para dor pós-amputação

Raquel Pereira de Souza

 

Entre os problemas frequentes encontrados após amputação estão a dor do membro fantasma e dor no coto. Há dificuldade na abordagem destas queixas, apesar das diversas opções farmacológicas e não farmacológicas propostas, nenhum tratamento efetivo foi achado ainda. Estudos recentes têm buscado determinar as causas da dor pós-amputação com base no mecanismo de reorganização cortical e tem sugerido que o bloqueio regional de nervos pode desencadear e aliviar a dor fantasma. Com isso, esta pesquisa foi desenvolvida com o objetivo de explorar o papel destes mecanismos periféricos. Os pacientes participantes do estudo foram submetidos a duas intervenções onde era realizado o bloqueio nervoso periférico com lidocaína ou solução salina. Foram avaliadas a dor espontânea e a dor evocada antes e após as intervenções com mapeamento das áreas de reações dolorosas, observando a intensidade e o alívio das queixas álgicas. Nove pessoas participaram do estudo, sendo que não foi observado resultado significante na redução da dor espontânea após as intervenções. Apesar disso, todos os pacientes relataram melhora desta dor após o bloqueio com lidocaína. Em relação à dor fantasma houve um resultado positivo no relato do alívio quando comparado a intervenção placebo. Estes achados foram relacionados à expressão de canais de sódio voltagem-dependentes após lesão do nervo, visto que a lidocaína é um bloqueador de canal de sódio não específico. São necessários maiores estudos acerca do tema, com uma população maior e aplicação de bloqueio regionais em diversos níveis para identificar os mecanismos que contribuem no desenvolvimento deste tipo de dor.

 

Referência bibliográfica: Buch NS, Ahlburg P, Haroutounian S, Andersen NT, Finnerup NB, Nikolaj L. The role of afferent input in postamputation pain:a randomized, double-blind, placebo-controlled crossover study. Pain. 2019. 160(7):1622-1633.

 

Alerta submetido em 15/07/2019 e aceito em 15/07/2019.

 


Leitura original e/ou complementar