DOL - Dor On Line

Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - USP

Universidade de Brasília - Campus de Ceilândia
Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto - USP
Faculdade de Farmácia - Universidade Federal da Bahia

Principal    |    Editoriais    |    Edições    |    Sobre a Dor    |    Glossário    |    Projeto DOL    |    Publicações    |    Contato

   
 

Alerta da edição mensal

 

 

A endometriose pode causar mudanças crônicas na sensibilidade dolorosa

Maria Clara Alexandroni Cordova de Sousa

 

Um grupo de pesquisa de dor visceral chamado SAHMRI (South Australian Health and Medical Research Institute), localizado no sul da Austrália, conduziu um estudo experimental em camundongos sobre a endometriose, em 2021. Os resultados mostram que os camundongos com endometriose desenvolveram comportamentos relacionados à ansiedade, aumento da sensibilidade a estímulos térmicos e hipersensibilidade nos órgãos viscerais.

 

A patogênese da endometriose ainda é pouco conhecida, por isso, o objetivo do estudo foi avaliar o desenvolvimento da endometriose e as comorbidades relacionadas a ela, especialmente a dor pélvica crônica, principal sintoma da endometriose, para tentar caracterizar o desenvolvimento da condição.

 

O experimento consistiu em realizar uma cirurgia para simular a menstruação retrógrada nos camundongos através da inoculação de fragmentos endometriais na cavidade peritoneal, em seguida, é observado o desenvolvimento de lesões a partir de 2 semanas após a cirurgia. Os camundongos foram analisados a partir da coleta de lesões endometriais e líquido peritoneal, a quantidade de mediadores inflamatórios presentes, respostas motoras e sensoriais e outros métodos.

 

Os camundongos apresentaram mudanças na percepção de dor e hipersensibilidade geral. O ponto negativo foi o aumento nas inconsistências em torno da inflamação na endometriose, pois não foi identificado um padrão nos diferentes estágios da doença. O artigo pode ser de relevância para possíveis pesquisas futuras com o intuito de encontrar um tratamento eficaz, considerando as descobertas deste experimento.

 

Referência: Maddern J, Grundy L, Harrington A, Schober G, Castro J, Brierley SM. A syngeneic inoculation mouse model of endometriosis that develops multiple comorbid visceral and cutaneous pain like behaviors. Pain. 2022;163(8):1622-1635. doi:10.1097/j.pain.0000000000002552

 

Alerta submetido em 05/08/2022 e aceito em 26/08/2022.