DOL - Dor On Line

Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - USP

Universidade de Brasília - Campus de Ceilândia

Principal    |    Editoriais    |    Edições    |    Sobre a Dor    |    Glossário    |    Projeto DOL    |    Publicações    |    Contato

   
 

Alerta da edição mensal

 

 

O possível efeito de um veneno sob receptores opioides

Ivanete de Freitas Lisboa
 

Os opioides são atualmente os analgésicos mais utilizados para o tratamento da dor, no entanto, possui muitos efeitos adversos tais como: dependência, sedação e depressão respiratória. Devido a isto é importante o desenvolvimento de novas formas de tratamento com menores efeitos colaterais. O presente estudo visa analisar o possível efeito antinociceptivo de um composto, o telocinobufagin (TCB) adquirido através do veneno de uma espécie denominada Rhinella jimi (sapo-cururu ou sapo cantor), além disso o estudo visa identificar se seu mecanismo de ação é por receptores opioides, com a administração de naloxona, um antagonista destes receptores.

 

Para isso foram utilizados modelos animais submetidos a teste de dor, com a administração de doses baixas e altas de TCB e morfina, antes da indução com ácido acético para avaliar tempo de contorções abdominais; formalina em duas fases (neurogênica e inflamatória); teste de retirada da cauda imersa em água quente e o ensaio de placa quente para avaliar o tempo que o animal permanecia no campo.

 

Com resultados demonstrados, foi possível avaliar que o TCB possui efeito na redução da dor com dose dependente nos modelos utilizados, possuindo efeito analgésico central e periférico, superior até mesmo ao da morfina.

 

No entanto, quando avaliado junto ao antagonista opioide não reverteu seu efeito, podendo inferir-se que ele não age pelo mesmo receptor. Há estudos que sugerem que o efeito do TCB possa ser endógeno já que a sua desregulação parece aumentar o número de doenças, contudo ainda não é possível afirmar seu mecanismo sendo necessários novos estudos.

 

Referência: Feitosa GIMC, Carvalho IF, Coelho EBS, Monteiro MRB, Medeiros RL, Carvalho EDF, Silva PT, Carvalho DMF, Uchoa DEA, Silveira ER, Santos CF, Nascimento NR, Carvalho MF, Cardi BA, Carvalho KM. Potent nonopioid antinociceptive activity of telocinobufagin in models of acute pain in mice.Pain Rep. 2019, 4(6):e791.

 

Alerta submetido em 03/12/2019 e aceito em 10/02/2020.