DOL - Dor On Line

Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - USP

Universidade de Brasília - Campus de Ceilândia
Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto - USP
Faculdade de Farmácia - Universidade Federal da Bahia

Principal    |    Editoriais    |    Edições    |    Sobre a Dor    |    Glossário    |    Projeto DOL    |    Publicações    |    Contato

   
 

Alerta da edição mensal

 

 

A influência da dor aguda visceral e somática em processos cognitivos

Rafaela Silva Motta

 

Já se sabe que a dor aguda possui interferência nos processos cognitivos humanos. Um estudo realizado em um hospital universitário na Alemanha buscou comparar a função interruptiva da dor nos casos de dor somática e visceral em pacientes saudáveis, mostrando que há maior comprometimento do desempenho cognitivo nos casos de dor visceral, principalmente relacionados à memória.

 

O estudo foi realizado em uma amostra de 30 participantes saudáveis. Para fim de comparações, foi utilizado um modelo de distensão retal para obtenção de resultados relevantes de dor visceral e estímulos de dor cutânea térmica como representante da dor somática. Foram executados testes de processamento de imagens pelos participantes antes e durante os estímulos de dor aguda.

 

Os testes foram divididos em Teste de Categorização, em que os participantes precisaram classificar as imagens em “seres vivos” e “não vivos” e, após, Teste de Reconhecimento em que as imagens eram reproduzidas novamente junto a imagens novas, os participantes deveriam classificá-las em “desconhecidas” e “conhecidas”.

 

Foi observado maior comprometimento cognitivo durante os estímulos de dor visceral aguda. Não foram observadas alterações no desempenho dos testes relacionados ao medo e à expectativa da dor. Embora se trate de achados de muita relevância, não são aplicáveis em casos de dor crônica. Esse foi o primeiro estudo a examinar o efeito da dor visceral induzida experimentalmente em comparação com a dor somática nas funções de memória em indivíduos saudáveis.

 

Referências: Kleine-Borgmann J, Schmidt K, Scharmach K, Zunhammer M, Elsenbruch S, Bingel U, Forkmann K. Does pain modality play a role in the interruptive function of acute visceral compared with somatic pain? Pain. 2022 Apr 1;163(4):735-744. doi: 10.1097/j.pain.0000000000002418. PMID: 34338242; PMCID: PMC8929302.

 

Alerta submetido em 04/04/2022 e aceito em 11/04/2022.